22°C 30°C
Santa Quitéria, CE
Publicidade

Enel Ceará tem 5 dias para explicar sobre oscilação e queda de energia

Pedido foi do Procon Fortaleza, que contabilizou um aumento de 81% nas reclamações dos consumidores

20/02/2024 às 10h56
Por: Thiago Rodrigues Fonte: O POVO
Compartilhe:
Foto: Kid Júnior/SVM
Foto: Kid Júnior/SVM

O aumento de 81% nas reclamações de consumidores da Capital sobre equipamentos danificados por queda ou oscilação de energia, entre 1º de janeiro a 15 de fevereiro de 2023, motivou o Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza) a agir contra a Enel Ceará.

De acordo com a entidade,  a Enel "pode ser responsabilizada pelo dano causado decorrente de oscilações da rede, tendo que consertar, substituir ou ressarcir o equipamento danificado, sob pena de multa que pode chegar a R$ 17 milhões, caso não sejam cumpridas as determinações da legislação."

"Vale ressaltar que a concessionária é responsável por danos causados, mesmo em dias de chuva e oscilação de energia. Isso faz parte do risco do negócio, embutido na prestação do serviço", afirmou Wellington Sabóia, presidente do Procon Fortaleza. A empresa tem cinco dias para explicar os motivos das falhas. A companhia afirmou que foi notificada e vai responder dentro do prazo estipulado.

"Com relação ao período do Carnaval, a Enel Ceará informa que reforçou o quadro nos canais de atendimento ao cliente, chegando a 500 colaboradores dedicados às solicitações. Além disso, cerca de 1.400 colaboradores estiveram em campo, atuando 24h, para recompor os estragos causados pelas tempestades que atingiram todo o estado", disse em nota.

Durante o Carnaval, diversos municípios do Ceará passaram por quedas e oscilações no que, de acordo com a Enel, foi devido às chuvas que ocorreram no período. Caso a empresa não se responsabilize, o consumidor pode recorrer ao Procon Fortaleza. Só neste ano, foram 95 reclamações no órgão. O número é quase a totalidade de registros feitos no ano passado, que somaram 102, e mais do dobro de 2021 (46).

Publicidade
Publicidade
Publicidade