21°C 32°C
Santa Quitéria, CE
Publicidade

PF prende “gerentes do crime” que coordenavam tráfico em 14 cidades

Alvos são de alta periculosidade e costumam atuar “com bastante violência” para garantir manutenção do tráfico, segundo a Polícia Federal

14/05/2024 às 14h31
Por: Josyvânia Monteiro Fonte: Metrópoles
Compartilhe:
Foto: Divulgação/ PF
Foto: Divulgação/ PF

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Pernambuco (Ficco) deflagrou, na manhã desta terça-feira (14/5), a Operação Pertinaz, para reprimir uma organização criminosa armada e com ramificações em ao menos 14 cidades dos estados de Pernambuco e da Paraíba. A quadrilha é especializada no tráfico de drogas, no comércio ilegal de armas de fogo e em lavagem de dinheiro.

Entre os investigados, há três grandes fornecedores de entorpecentes, 15 ocupantes das funções de “gerentes” dos negócios ilícitos, além de pessoas ligadas às operações logísticas e financeiras da organização criminosa.

“Por se tratarem de indivíduos de alta periculosidade, os quais comercializam drogas em várias localidades da região metropolitana de Recife [PE], atuando sempre com muita violência para garantir a manutenção do crime, os resultados da deflagração da Operação Pertinaz serão de grande importância para a segurança pública local, uma vez que terão consequências diretas no estancamento do fornecimento e da distribuição de entorpecentes na região”, destacou a Polícia Federal (PF).

Ao todo, 328 agentes de segurança pública das forças integradas cumprem 54 mandados de busca e apreensão, além de 31 de prisão preventiva, expedidos pela 1ª Vara da Comarca de Camaragibe (PE), nos municípios pernambucanos de Abreu e Lima, Camaragibe, Igarassu, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Paulista, Recife e São Lourenço da Mata, bem como em João Pessoa (PB).

Publicidade
Publicidade
Publicidade